Header Ads

ENVOLVENTE SUCESSAGEM [Capítulo #12] – Seguro liberado



A campainha da casa de Dona Sarityellen toca, e ela vai atender à porta. Quem está ali é Oitivo, representante da agência responsável pelo seguro da fábrica da Fofada Preservativos.

DONA SARITYELLEN (desesperançosa): Ai, qual é a derrota da vez, seu Oitivo?

OITIVO: Na verdade, eu trouxe uma notícia boa para a senhora.

DONA SARITYELLEN: VERDAAAADEEEE? =D

OITIVO: A Dinheireri Seguros interpretou que a fuga da sua funcionária Mistiane, presa em flagrante, já é prova suficiente de que a senhora é inocente e não tentou fraudar o seguro.

DONA SARITYELLEN: É muito bom pra ser verdade!!! OH MEU DEUS =)

OITIVO: A senhora receberá essa grana em breve, certo?

DONA SARITYELLEN: Em breve? Eu achei que ia ser hoje ='(

OITIVO: Calma… isso se dará em poucos dias. Agradeça à prefeita Fafécia. Ela pressionou a Dinheireri Seguros e choramingou horrores, dizendo que a senhora precisava reconstruir a fábrica o quanto antes pelo bem de Vila dos Bairros.

DONA SARITYELLEN: Ah… claro… adoro aquela vaca… digo, Prefeitinha do Coração, cada batida um limão.

OITIVO: De qualquer forma, quero avisá-la que as investigações da polícia sobre fraude na confecção das camisinhas usando chiclete usado não estão facilitando para a imagem da Fofada Preservativos.

DONA SARITYELLEN: Posso garantir ao senhor que nenhuma prova dessas acusações… errr… absurdas… sobreviveu ao incêndio. O que é uma… hehehe… pena. Agora, recado dado, escafeda daqui!

OITIVO: E lembrar que tava se insinuando pra mim dia desses… HAHAHA! Dou 15 dias pra senhora torrar o dinheiro do seguro com porcarias. Ainda vou comprar biscoito polvilho da senhora na praia…

DONA SARITYELLEN: SOME DAQUI SOME DAQUI SOME DAQUI SOME DAQUI!!!!! ò.Ó

Enquanto isso, na delegacia…

DELEGADO DEL RÊGO: Então vocês dois estavam fazendo safadeza na pracinha, é? ò.Ó

RISOLETA: Ai, mais um com complexo de cornitude… rsrsrs.

RODOLFO REGINALDO: Como é que é? Você também teve um lance com o delegado?

RISOLETA: Ué, nem… te conheci hoje de manhã. Queria que eu fosse noviça? Rsrsrs…

DELEGADO DEL RÊGO: Muito bem, vamos acabar com essa patacoada aqui.

RISOLETA: UHUUUU!!!! MENAGEEEE!!!!

DELEGADO DEL RÊGO: DE JEITO NENHUM!!! Ò.ó EU NUNCA DISSE QUE ESSA SERIA A SOLUÇÃO!!!! CONTENHA-SE!

RISOLETA: AAAAI, COMO VOCÊS ME MATAM DE TÉÉÉDIO!!!

DELEGADO DEL RÊGO: Vou tomar a decisão óbvia. Chamo a mãe do filho do riquinho, libero quase tendo que pedir desculpas, mas você… senhorita Risoleta, vai continuar PRESA até pagar a fiança. Tá ouvindo bem?

RISOLETA: AAAI, ADOOOORO DEMAAAIS!!! Vou ficar todinha pra você, Delegado Del Rêgo! É uma pena que a Mistiane tenha fugido dessa espelunca. Ela dava um caldo…

RODOLFO REGINALDO: Por favor, seu guarda! Não chama a minha mãe não! Ela vai me humilhar mais que sei lá o quê…

DELEGADO DEL RÊGO: Pensasse nisso antes de fazer safadeza ao ar livre! Ò.ó

RISOLETA: Ô riquinho mijão, relaxa aí que sua mamis é toda do balacobado, dos esquema, das falcatrua… rsrsrsrs… até camisinha de chiclete diz que ela fazia. Ainda bem que eu só uso saquinho de leite.

RODOLFO REGINALDO: Ei, eu não usei saquinho de leite!

RISOLETA: Claro que não, né bem! Você entra na cota de golpe da barriga. Rsrsrs… peguei a camisinha do seu bolso e deixei ela furadinha da silva! Se eu estiver fértil, já vai contratando uma babá… rsrsrs… baranga, de preferência!

DELEGADO DEL RÊGO: Eu vou acabar com essa baixaria é agora mesmo [põe a mão no telefone].

RODOLFO REGINALDO: Não, seu guarda! Pelo amor de Deus, vamo negociar!

RISOLETA: Só negocio se puder propor um menagggggggggggggeeeeeee… rsrsrs.

No cemitério, a prefeita Fafécia presta a última homenagem a Halvarino antes de ele ser enterrado.

FAFÉCIA: Halvarino, esse homem de fé e irmão camarada, trabalhador incansável, construiu nossa cidade com inúmeras gotas de suor e sangue. Espero que sua morte não fique impune, porque se ficar vai ficar muito feio na minha campanha pra reeleiç… digo, digo… errr… porque nenhum compromisso é maior do que o de nossa cidade com a justiça! Toca em frente, padre. Enterra esse infeliz!

Algum tempo depois, na saída da delegacia…

Dona Sarityellen puxa Rodolfo Reginaldo pela orelha. O rapaz, por sua vez, não sabe onde pôr a cara de tanta vergonha.

RODOLFO REGINALDO: AI MÃE, PARA MÃE…

DONA SARITYELLEN: Como você faz uma canalhice dessas justo hoje que eu recebi uma notícia excelente!?

RODOLFO REGINALDO: Excelente como?

DONA SARITYELLEN (começando a se empolgar): A grana do seguro SA-I-IUUUU!!!! XD

RODOLFO REGINALDO: Puxa vida, mãe! Que sensacional! Agora você já pode reconstruir a fábrica de camisinhas e dar muita felicidade e empregos pra toda essa gente que mora nessa simpática cidadezinha.

DONA SARITYELLEN: O quê? Hahahaha! Cê mal chegue em casa e já comece a arrumar as malas, viu! Tão logo o depósito seja efetuado, a gente vai embora desse fim de mundo! Guarujá nos espera! E depois, Dubai! Quer dizer… Dubai não porque acho que lá eles cortam a mão de ladrão, né? Já sei! Do Guarujá nós vamos para as Bahamas!

RODOLFO REGINALDO: Uôôôu! Quem nos viu, quem nos vê!

DONA SARITYELLEN: Já deixa a sua mala bem arrumadinha! Vai, anda logo!

Num canto escuro de um galpão abandonado, a pipoqueira Cleoniça se depara com ninguém menos que Mistiane, que veste um sobretudo marrom, usa óculos escuros e chapéu preto.

CLEONIÇA PIPOQUEIRA: MENINA MISTIANE!!!

MISTIANE: Fala baixo, pipoqueira do cão!

CLEONIÇA PIPOQUEIRA (sussurrando): Menina Mistiaaaaane! Que loucura é essa?

MISTIANE: Loucura era ficar apodrecendo naquela cadeia!

CLEONIÇA PIPOQUEIRA: Mas a senhora tá tão disfarçada, mas tão disfarçada que chega chamar atenção!

MISTIANE: Isso não vem ao caso agora. Eu preciso que você me ajude! Dona Sarityellen tem um plano terrível e precisa ser desmascarada!

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

E agora? Cleoniça Pipoqueira vai dar para trás ou ajudará Mistiane até o fim? Sarityellen será bem-sucedida em sua fuga? Não perca o próximo e eletrizante capítulo de ENVOLVENTE SUCESSAGEM.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.