Header Ads

header ad

ENVOLVENTE SUCESSAGEM [Capítulo #25] – Madrugada hospitalar



DONA SARITYELLEN: Que estranho… eu ouvi um barulho de carro saindo. Foi o meu filho, por acaso?

PANELICE: Olha, Dona Kate Diana… seu Jabiédisson me deu cem dóla pra eu ficar de boca calada. Pra senhora ouvir qualquer coisa de mim vai ter que pagar mais que isso.

DONA SARITYELLEN: COMEQUIÉ? ◉_◉

PANELICE: É, ué… fui criada num país em que a banana come o macaco. E levo meu jeitinho pra onde quer que eu for.

DONA SARITYELLEN: Ora, francamente!

Sarityellen paga 110 dólares para Panelice muito a contragosto. A empregada faz cara de nojinho, mas a patroa não lhe dá confiança.

DONA SARITYELLEN: Desembucha, carniça! O quê que meu filho foi fazer?

PANELICE: Então, Dona Kate Diana… ele recebeu uma ligação agorinha, no meio da madrugada. Foi um negócio meio estranho… daí que ele recebeu a ligação e saiu correndo pra pegar o carro. Pra mim que é coisa envolvendo mulher.

DONA SARITYELLEN: Ah, mas eu sabia! Se ele tiver trazido a Risoleta pra cá escondido de mim EU DESERDO!!!

PANELICE: Quem é Risoleta?

DONA SARITYELLEN: Ora, ora… mas que empregada mais abelhuda! Sai daqui e vai dormir, minha filha! Xô! Chispa! U_U

PANELICE (saindo): Depois não reclama que eu não sou prestativa.

DONA SARITYELLEN: Ah, mas hoje eu pego o Rodolfo Reginaldo no pulo!

Algum tempo depois…

Rodolfo Reginaldo chega à casa em que Mistiane está. Estaciona o carro e entra pela porta, desesperado.

MISTIANE: Ai, amor! Que bom que você chegou! Me leva no hospital, pelo amor de Deus!

RODOLFO REGINALDO: EU AVISEI PRA NÃO COMER AQUELE PANETONE! Ò_Ó

MISTIANE: Então por que você comprou, seu cretino?

RODOLFO REGINALDO: Pra você dar uma olhadinha e ver se não tinha um fungo, né!? Só depois você poderia comer.

MISTIANE: Vamos brigar depois!? Eu tô passando malzinho, meu bebê! Não grita comigo não =’(

RODOLFO REGINALDO: Ô, bebejinha… papaijinho vai ti levar no pipital, tá!?

MISTIANE: Axim bebejinha acha meió, papaijinho…

Rodolfo Reginaldo pega Mistiane pelo colo e a põe no carro. Os dois partem rumo a um hospital.

Enquanto isso, em Vila dos Bairros…

O Delegado Del Rêgo também está num hospital. Mas por causa da explosão da boneca inflável.

Também já é madrugada quando Seu Alba decide visitar o delegado no hospital.

DELEGADO DEL RÊGO: Poxa vida, Seu Alba! Isso são horas de fazer visita?

SEU ALBA: Me desculpe, delegado. Sou um homem de hábitos noturnos. Na verdade eu quase não durmo, mas isso é assunto pra outra hora.

DELEGADO DEL RÊGO: A boneca inflável bumbum granada que você me deu de presente fez isso comigo, olha só! Ò_Ó

SEU ALBA: É, estou vendo… queimou o senhor, né!?

DELEGADO DEL RÊGO: É ÓBVIO! Ò_Ó

SEU ALBA: Queimou você todo!?

DELEGADO DEL RÊGO: TODINHO Ò_Ó

SEU ALBA: O senhor vai ficar de molho no hospital!?

DELEGADO DEL RÊGO: VOU NÉ!? Ò_Ó

SEU ALBA: Então a explosão foi grande?

DELEGADO DEL RÊGO: IMENSA Ò_Ó

SEU ALBA: Foi ruim!?

DELEGADO DEL RÊGO: Foi ótimo ( ͡° ͜ʖ ͡°)

SEU ALBA: Hummmm…. Tá certo então ʘ‿ʘ

DELEGADO DEL RÊGO: A gente tá aí na atividade, né Seu Alba… vê se dá uns ajustes aí nesse bumbum granada antes de colocar a venda. De resto, tô aqui de boas zerando os DVDs de bailão do Gusttavo Santana.

SEU ALBA: Tá certo, então. Boa noite seu Delegado. Tenha sonhos explosivos!

DELEGADO DEL RÊGO: Pode deixar ^_^

De volta às Bahamas…
Mistiane está num quarto recebendo soro na veia. Rodolfo Reginaldo a acompanha morrendo de sono, “pescando” o tempo todo.

MISTIANE: Ai, que bom que você me trouxe, meu Rodolfinho… digo, digo… Jabiédisson, meu amor! Já estou me sentindo bem melhor.

RODOLFO REGINALDO: Que bom que não precisou fazer lavagem estomacal, né!?

MISTIANE: Nossa, não quero nem imaginar!

RODOLFO REGINALDO: Olha… eu vou lá em baixo comprar uma latinha de Loka-Cola pra ver se eu fico acordado. Daqui a pouco eu volto. Não sai daqui, hein!

MISTIANE: Até parece que eu ia sair ¬¬’

Rodolfo Reginaldo desce as escadas e vai ao saguão do hospital. Há um quiosque que vende refrigerantes no outro lado da rua, mas antes que ele a atravesse é surpreendido por sua mãe, que chega de carro. Ele fica assustadíssimo.

RODOLFO REGINALDO: MAMÃE!!! O.o

DONA SARITYELLEN (saindo do carro, igualmente assustada): Meu filho! O que aconteceu contigo!?

RODOLFO REGINALDO: Como assim!?

DONA SARITYELLEN: Como assim eu que pergunto!

RODOLFO REGINALDO (ainda bem nervoso): P-p-p-parece que… errrr… eu não tô muito passando bem, sabe!?

DONA SARITYELLEN: Percebe-se! Depois que ligaram pra mim eu fiquei preocupada. Quer dizer… primeiro eu estranhei quando falaram de Mr. Jabiédisson… eu sempre esqueço de… bem… você sabe. Mas quando entendi o que estava acontecendo, fiquei assustada.

RODOLFO REGINALDO: Acontecendo!?

DONA SARITYELLEN: É, meu filho! Me ligaram do hospital pra confirmar seu cartão de crédito. Fiquei assustada no ato.

RODOLFO REGINALDO: Aaaah sim… hehehe… claro, claro… (inventa algo na hora) Então, mamãe… parece que eu comi algo que não me caiu bem.

DONA SARITYELLEN: O quê?

RODOLFO REGINALDO: Um pedaço de panetone.

DONA SARITYELLEN: O quê!? Mas o natal já passou, faz tempo!

RODOLFO REGINALDO: Então…

DONA SARITYELLEN (desconfiada): Tem mais alguém aí contigo?

RODOLFO REGINALDO: Ué, mamãe… quem estaria?

DONA SARITYELLEN: Eu é que pergunto! Talvez, sei lá… uma ex-funcionária minha…

RODOLFO REGINALDO: Imagina, mamãe! Já despachei a Risoleta. Já te disse, caramba! U_U

DONA SARITYELLEN: Tá certo… então monta aqui no carro e vamos embora.

RODOLFO REGINALDO: Eu vim com o meu… hehehe

DONA SARITYELLEN: Amanhã mando alguém vir buscar. Você não está em condições de dirigir.

Rodolfo Reginaldo decide não contrariar sua mãe, e acaba indo embora com ela, deixando Mistiane sozinha no hospital.

Amanhece o dia.
Do lado de fora do aeroporto, em São Paulo, Risoleta aparece vestida em sua fantasia de comissária de bordo.

RISOLETA: Agora ninguém consegue mais parar Risoleta de Marco… AHAHAHAHA!!!

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

E agora? Conseguirá Risoleta chegar às Bahamas? E Mistiane? Conseguirá pôr seu plano em ação? O Delegado Del Rêgo se recuperará de suas queimaduras? Não perca o próximo e inesquecível capítulo de ENVOLVENTE SUCESSAGEM!


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.