ENVOLVENTE SUCESSAGEM [Capítulo #27] – Se apresentando



Panelice abre a porta da mansão dos Fofada em Nassau, nas Bahamas. É Mistiane (ainda sob a identidade de Tabatah Soraya) quem está à porta.

PANELICE: Pois não.

MISTIANE: Meu nome é Tabatah Soraya. Por favor, chame por Rodolfo Reg… digo… por Jabiédisson Glaudemar, por favor.

Panelice fica desconfiada. Ela nem precisa chamar por ninguém já que Rodolfo Reginaldo a ouve e vai até a porta recebê-la. Ele ainda está com um pouco de medo de apresentá-la à sua mãe, mas sente que isto é inadiável.

RODOLFO REGINALDO: Ô, minha pinxejinha, tudo bem!? Bom… er…. Panelice, a Tabatah Soraya é nossa convidada pro chá da tarde de hoje. Prepare algo bem delicioso.

PANELICE: Perfeitamente, seu Jabiédisson… e quanto à sua mãe!?

RODOLFO REGINALDO: Eu é que pergunto. Cadê ela!?

PANELICE: Foi ao peeling. Disse que, quando voltasse, queria um chá da tarde bem leve.

RODOLFO REGINALDO: Lorota! Faz um chá bem reforçadão porque a Tabatah é boa de garfo… hehehe.

MISTIANE: CREDO!!! Ò_ó TÁ QUERENDO ME DESMORALIZAR PERANTE SUA SERVIÇAL!?

RODOLFO REGINALDO: Não, meu amorzinho… não foi o que eu quis dizer… vem cá. Vamos esperar ela fazer tudo, viu!?

MISTIANE: Acho bom U_U

PANELICE (em voz bem baixa): Isso não vai prestar…

Não muito longe dali, saindo pela porta da frente do aeroporto de Nassau…

RISOLETA: Geeeente, eu não tô acreditando que consegui. Tô mesmo nas Bahamas, meu amor! Rsrsrs… AAAAIIII, QUE LUXO!!! Como isso aqui é lindo de maravilhoso! Agora só me resta encontrar o Rodolfo Reginaldo nesse formigueiro. E tem que ser o mais rápido possível, até porque eu não sei falar ‘100 REAL O COMPRETO COM LOCAL’ em bahamense.

Enquanto isso, em Vila dos Bairros…

O repórter Clodomiro Farinhão vai até a fábrica de bombas entrevistar Seu Alba.

CLODOMIRO FARINHÃO: Como foi o processo da transformação desse prédio de fábrica de camisinhas em fábrica de bombas!?

SEU ALBA: Sei lá, seu Clodomiro. A gente tá levando aí…

CLODOMIRO FARINHÃO: A Seguradora Dinheireri vem sendo acusada de liberar o dinheiro do seguro de incêndio antes da hora. O que o senhor tem a dizer sobre isso.

SEU ALBA: Eu não trabalho para a seguradora, só fui indicado por eles para administrar a fábrica em seu momento inicial. Isso aí de prêmio do seguro o senhor tem que ver com eles.

CLODOMIRO FARINHÃO: E essa história de… bumbum granada!?

SEU ALBA: Ah, sim… pelo jeito é o produto mais falado da nossa fábrica atualmente, hehehehe…

CLODOMIRO FARINHÃO: Do que se trata?

Seu Alba apanha uma boneca inflável e explica ao repórter.

SEU ALBA: É essa boneca inflável aqui, ó. O cliente se diverte com o bumbum da boneca. Quando ele fica satisfeito, ela explode.

CLODOMIRO FARINHÃO: Mas isso não é perigoso!?

SEU ALBA: Bem… ainda está na fase de testes. O delegado provou e acabou no hospital. Mas se o senhor quiser, posso de dar essa aqui de cortesia.

CLODOMIRO FARINHÃO: Verdade!?

SEU ALBA: Verdade verdadeira. Toma que a boneca é sua.

CLODOMIRO FARINHÃO: Olha só… é o presente mais duvidoso que já recebi desde que minha filha me deu um calção do Bob Esponja no Dia dos Pais. Mas eu agradeço mesmo assim ;-)

E no hospital…

O Delegado Del Rêgo resolve umas palavras cruzadas enquanto a TV passa a reprise do ‘Repórter Sensação’. Todo pimpão, o delegado já se visualiza na TV quando passar a sua entrevista. Até suspira enquanto sonha com seus 15 segundos de fama.

DELEGADO DEL RÊGO: Sabe, enfermeira… chega um momento na vida de um homem que tudo o que ele quer é um pouco de adrenalina e aparecer na televisão. E eu consegui tudo isso graças a dois homens sensacionais, dois homões da porra! O primeiro, Seu Alba, que me deu aquela boneca de cortesia. O segundo é esse que tá aparecendo aí na televisão ó: Clodomiro Farinhão. Um dos melhores, senão o melhor jornalista deste país!

ENFERMEIRA (entediada): Que bom, delegado. Agora segura o mijo que eu vou trocar sua bolsa e sua sonda, tá!? Já tá no limite da capacidade.

DELEGADO DEL RÊGO: Credo. Que baldão de água fria ¬¬’

O celular do delegado toca. Trata-se de um superior seu da Secretaria de Segurança.

SUPERIOR: E aí, Del Rêgo… só curtindo um hospitalzão.

DELEGADO DEL RÊGO: Opa, pois é… hehehe… a vida tem dessas coisas.

SUPERIOR: Dormindo bastante, né…

DELEGADO DEL RÊGO: Ah… hihihi… um pouquinho só.

SUPERIOR: ENTÃO ACORDA PRA CUSPIR, SEU IMPRESTÁVEL!!! Tem dois dias que nós te enviamos um e-mail criptografado com novas informações sobre o paradeiro de Maria Cláudia Sarityellen da Assunção Fofada. Levanta dessa maca e vai fazer alguma coisa que preste. Vamos!

DELEGADO DEL RÊGO: Mas, mas… eu tô debilitado, chefia!

SUPERIOR: Enquanto você fica aí, queimado, SUA BATATA TÁ ASSANDO. Vá para a ação imediatamente,

DELEGADO DEL RÊGO: Sim, chefia :’(

Enquanto isso, nas Bahamas…

Chega o grande momento. Dona Sarityellen chega em casa e é atendida por Panelice que logo revela:

PANELICE: A moça tá aí.

DONA SARITYELLEN: Moça!? Que moça!?

PANELICE: Bem… aquela do telefone. Acho.

Dona Sarityellen gela.

PANELICE: Tá na mesa, tomando café da tarde.

DONA SARITYELLEN: Eu devo ter jogado pedra na cruz, viu!

PANELICE: Quê que eu faço, Dona Kate Diana?

DONA SARITYELLEN: Na falta de uma dose de veneno, apenas fique de olho. Vou tentar manter a compostura.

PANELICE: Tá certo então…

Dona Sarityellen levanta o nariz e vai rumo à sala de jantar. Tem calafrios de pensar no que pode encontrar.

Ela entra na sala de jantar. Rodolfo Reginaldo logo a vê. A garota está sentada na mesa, ainda de costas. Rodolfo Reginaldo se levanta.

RODOLFO REGINALDO: Pois bem, mamãe… eu tenho uma pessoa a te apresentar.

Dona Sarityellen se aproxima mais e olha. Finalmente tem a visão de quem está sentada à mesa.

DONA SARITYELLEN: MISTIANE!? o_O

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
E agora? O que Mistiane dirá à sua ex-patroa? Quais serão os destinos do Delegado Del Rêgo e Risoleta? Não perca o próximo e alucinante capítulo de ENVOLVENTE SUCESSAGEM.


Mestre Risada Forçada®

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram