ENVOLVENTE SUCESSAGEM [Capítulo #35] – Soltando os cachorros



O casamento de Risoleta e Rodolfo Reginaldo acontece a todo vapor…

JUÍZA DE PAZ: Bom… se alguém aqui presente tem algo contra a realização desse casamento, por favor, fale agora ou cale-se para sempre.

Mistiane, para a surpresa de ninguém, aparece no meio dos convidados e grita:

MISTIANE: EEEEEU, DONA JUÍZA! EU TENHO MUITA COISA CONTRA ESSE CASAMENTO DE CASCAVÉIS!!! Ò_ó

RISOLETA: Mistiane, sua perdedora! Que ótimo ver você aqui, me vendo toda gatosa com meu bumbum na nuca, casando com o riquinho mijão E PODENDO ESFREGAR ISSO NA SUA CARA, SUA APAGADINHA!

MISTIANE: SUA CORRIMÃO DE ESCADA!!! Vai acabar na cadeia, junto com esses dois salafrários! Ò.ó

DONA SARITYELLEN: JÁ CHEGA DE BAIXARIA!! Paneliceeeeee!

PANELICE: Sim, Dona Kate Diana Elizabeth.

DONA SARITYELLEN: Pode soltar os cachorros em cima dessa ordinária!

MISTIANE (agora com medo): O quê!? o.O

DONA SARITYELLEN: SOLTAR OS CACHORROS, MINHA FILHA!!! Meus dobermans só comem ração balanceada, mas hoje vou abrir uma exceção… HUAHUAHAUAHUA (gargalhada maléfica).

PANELICE (já trazendo quatro cachorros presos em coleiras): Eu sinto muito, Dona Tabatah Soraya! Ordens são ordens.

Antes que Panelice solte os cachorros, Mistiane já sai correndo.

MISTIANE (correndo): SOCORROOOOOOOOOOOOOOO!!!!

Os cachorros correm atrás de Mistiane, mas ela encontra um patinete no meio do caminho e consegue fugir intacta dali.

JUÍZA DE PAZ: Gente, alguém mais quer fazer um showzinho nessa baguncinha gostosa!?

RISOLETA: Magina, Majestade Juíza… termina logo essa bagaça aí pro riquinho mijão ir ver a série dele e eu resolver minha situação com um consolo… rsrsrs… AAAAAAAI, QUE CASAMENTO XUMBREGA, BRASIL!

JUÍZA DE PAZ: Nesse caso, eu os declaro marido e mulher.

RODOLFO REGINALDO (começando a tirar a gravata): Porra, até que enfim! (dá um selinho xoxo em Risoleta)… mamãe, pega um pratinho, enche de salgadinhos e manda a Panelice levar lá na sala, por favor. Vou ver o episódio de hoje de ‘Game of Tongues’ e a reprise da semana passada.

RISOLETA: Posso ir bater bundinha no iate do Lewis Hamilton que tá atracado lá na marina!?

RODOLFO REGINALDO: Claro que pode, minha Salomé do cerrado! Mete chifre a vontade na minha testa, tá bom, paixão!? Só não deixa fotografarem você com outro que fica chato, tá!?

DONA SARITYELLEN (furiosa): EU NÃO ACEITO ISSO!!! Vocês não estão levando a sério um casamento que eu preparei com esmero durante dias!!! Têm ideia do trabalhão que deu montar tudo isso aqui!?

RISOLETA: Então se acaba na pista, sogretchinha! Eu só quero dar uma volta senão morro de sono com essa decoração paia e essa música xoxa que a senhora pôs pra tocar.

DONA SARITYELLEN: AI QUE ÓDIO QUE ÓDIO QUE ÓDIO!!!! Ò_ó

Enquanto isso, num posto de gasolina na entrada de Vila dos Bairros…

Reginete, no banco de trás do carro de Seu Alba e com as mãos amarradas, aparenta dormir profundamente. Ele, então, aproveita para ir ao banheiro.

SEU ALBA: Tô tão brocado que além de dar um mijão vou comer um pão de queijo. Você não quer um não, velha linguaruda!? Ah, claro… hehehe… você tá dormindo. Perdedora! Mal posso esperar pra fazer você dormir para sempre…

Seu Alba sai do carro. Tão logo ele sai, Reginete abre os olhos e começa a desamarrar suas mãos com sua boca.

Alguns minutos depois, enquanto Seu Alba come um pão de queijo e toma tranquilamente um café com leite, vê seu carro arrancar dali, fazendo subir poeira no posto. Ele fica apavorado e corre atrás do carro.

SEU ALBA: Volta aqui! Volta aqui, sua velha linguaruda!

Em vão. O carro não demora muito a sumir do horizonte. Reginete, quem diria, conseguiu se livrar de Seu Alba da forma mais cretina.

SEU ALBA: Droga! =’(

DONO DO POSTO: “Volta aqui” digo eu, meu senhor! Você não pagou sua conta!

Seu Alba coloca a mão no bolso e percebe que havia deixado a carteira no carro.

SEU ALBA: Uma doida que viajava comigo arrancou com o carro e me deixou aqui sem lenço e sem documento… meu dinheiro e meus cartões ficaram lá… hehehe --’

DONO DO POSTO: Isso não é problema meu! Se não pode pagar pelo que comeu, vai ter que lavar pratos U_U

SEU ALBA: COMO É QUE É!!? o_O

DONO DO POSTO: Anda logo que hoje a gente serviu arroz carreteiro no almoço e a pia tá abarrotada! VAI, SEU MOLENGA!

SEU ALBA: O senhor sabe com quem está falando!?

DONO DO POSTO: COM ALGUÉM QUE ME DEVE DOZE REAIS!!! ANDA, CRETINO!!!

SEU ALBA: Tá bom, tá bom… =’(

E seu Alba acaba tendo que lavar os pratos do restaurante-lanchonete do posto de gasolina.

No outro dia, nas Bahamas…

DONA SARITYELLEN: Pois bem, Risoleta… pelo que eu tenho visto, você e o meu filho não estão… como posso dizer… providenciando um netinho, certo!?

RISOLETA: Por mim estaríamos. Mas o riquinho mijão, já viu né… rsrsrs… agora começou a fazer maratona de um outro seriado aí. Um tal de ‘Sex and the Picles’.

DONA SARITYELLEN: Já pedi pra não chamar meu filho de riquinho mijão! Ò.ó

RISOLETA: É só ele não me dar mais motivos… rsrsrs… o que tá difícil ultimamente.

DONA SARITYELLEN: Mas como eu dizia… já que vocês não têm feito nada melhor, quero convidar você para um tour de compras em Miami. Que tal!?

RISOLETA: AAAAAAAAAAAAAAI, QUE LUXO! CHUPA BRASIL, CHUPA SOCIEDADE!

DONA SARITYELLEN: Você vai ver que bárbaro. Umas horinhas de helicóptero e, se a gente não desaparecer misteriosamente no Triângulo das Bermudas, já estaremos lindas e loiras em Miami.

RISOLETA: Nossa, quero rebolar meu bumbum na nuca em Miami ou em outra dimensão, por mim tá fechadérrimo, sogretchinha!! Rsrsrs… queria ver a cara de tacho da Mistiane agora!

DONA SARITYELLEN: Ah, não! Pra mim já chega de falar nessa desclassificada! Deixa que dela, em algum momento, meus jagunços dão um jeito. Prepara a matula que a gente vai viajar. Ô PANELIIIIIIIIIIIIIICEEEEEEEEEEE!!!!

PANELICE: Chamou, Dona Kate Diana Elizabeth!?

DONA SARITYELLEN: Claro que chamei, sua songamonga! Seguinte… só dá comida pro meu filho se ele fizer pelo menos 15 abdominais hoje! Se ele passar o dia inteiro assistindo série e você ainda der sanduíche e batata frita pra ele eu faço sabão com seu fígado!

PANELICE (comenta meio baixinho): Faz nada. Não sabe arrumar um botão numa calça, que dirá fazer sabão!

DONA SARITYELLEN: O QUE VOCÊ DISSE!?

PANELICE: Sim, Dona Kate Diana Elizabeth! Não darei comida a ele.

Algumas horas depois, Risoleta e Dona Sarityellen acompanham o piloto até o heliponto particular. Mistiane, infiltrada no quintal (sem o conhecimento do Delegado Del Rêgo) se prepara para agir no melhor momento. Ou, pelo menos, no momento que ela julga ser o melhor.

Enfim, o momento chega.

Mistiane sai de trás de um arbusto e corre para perto do helicóptero, apontando uma arma.

MISTIANE: Paradinhos aí, ninguém sai com esse helicóptero! Ò.ó

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

E agora? Qual será o plano de Mistiane (se é que ela tem algum)? E Rodolfo Reginaldo, poderá comer seu burgão com fritas em paz!? Não percam o próximo e inesquecível capítulo de ENVOLVENTE SUCESSAGEM. Fique ligado(a) pois são os últimos capítulos!

Mestre Risada Forçada®

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram